Arquivo mensal agosto 2013

porLucas Pavel

Camelo Urbano Reflexões: O transporte público no Brasil não é subsidiado!

 passes socias

Ônibus de qualidade significa passagem mais cara? 


Passagem mais cara impede que pessoas de baixa renda utilizem esse tipo de transporte? 

Não é verdade! Para evitar as manifestações de junho – fomentadas por causa  do aumento da passagem de ônibus bastava o Estado compensar os investimentos feitos pelas operadores de ônibus na qualidade do serviço, através da criação de passes sociais (como ocorre na Europa).

Por que a gente se motiva a usar a bicicleta diariamente em meio ao caos? 

Por causa do trânsito! O trânsito existe por conta do excesso de carros. E o excesso de carros é um dos efeitos do precário do sistema de transporte da cidade.

Claro que transporte de qualidade requer investimentos e, provavelmente isso significaria um aumento da passagem. Mas se considerarmos todos que tem condições de ir de carro diariamente para o trabalho, certamente, eles teriam condições de pagar uma passagem de ônibus um pouquinho mais cara, caso houvesse uma contrapartida justa na prestação do serviço.


E, para quem não pode pagar, existem os passes sociais, que trata-se de uma espécie de bilhete único distribuído à população de baixa renda, com subsídios pagos pela União.

Vimeca e Scotturb os dois concessionários, que parte da família Jacob Barata,  o “Rei do ônibus no Rio”, controlam em Portugal, transportam, diariamente mais de 140 mil passageiros na área da Grande Lisboa. Só que diferente das suas empresas no Rio, ano passado foram compensadas com investimentos de cerca de 8 milhões de euros (R$ 23,5 milhões) na aquisição de novos ônibus, com o objetivo de renovar gradualmente a frota e baixar a idade média do parque de ônibus na grande Lisboa

piso baixo
rampa de acesso
porLucas Pavel

Depoimentos – Agosto/2013

Mais uma série de depoimentos nas ruas do Rio de Janeiro.

Untitled from camelo urbano on Vimeo.
Ir para o trabalho de bicicleta é a melhor parte do seu dia.

porLucas Pavel

Camelo Urbano Reflexões: Cronista Convidado

19 de agosto – Rolé de BikePor Clara Corrêa*

 Se tem um hábito subvalorizado em Salvador é o de andar de bicicleta. Eu mesma, soteropolitana de corpo e alma, só fui aprender a me equilibrar sobre as duas rolas lá pela pré-adolescência e só criei gosto quando enveredei pelo mountain bike. Depois que comecei a escrever sobre sustentabilidade, adotar a bicicleta como meio de transporte foi um pulo. Foi aí que descobri que andar de bike por Salvador pode ser massa! 

A começar pela orla que, apesar de não ter a ciclovia mais bem cuidada do mundo, é uma ótima opção de passeio nos finais de semana ensolarados da nossa capital. De Itapuã até Amaralina dá pra ir e voltar na ciclovia e ainda parar no caminho para tomar uma água de coco. Se não tiver uma bicicleta, não tem problema, dá para alugar uma ali no Jardim de Alah. Quem não tem uma bike para chamar de sua também pode alugar no Parque de Pituaçu. Os 15 quilômetros de trilha por dentro da reserva ecológica é uma programação deliciosa pra o domingão. E podem ficar tranquilos que aquelas bikes enferrujadas já foram trocadas e o policiamento anda reforçado na região.

Quem prefere um passeio mais radical, tem uma trilha incrível no canteiro central da Paralela (sério!!). É uma ótima alternativa para a galera que curte mountain bike, mas não quer ir até a Linha Verde para pedalar em um single track. Já quem prefere andar de galera, tem uma turma boa do Amigos de Bike que organiza pedaladas noturnas todos os dias da semana. Tem passeios em vários ritmos, com diferentes percursos e horários e todo o apoio de ciclistas experientes para quem quer começar.

Já quem quer adotar a magrela como meio de transporte, a dica é planejar bem o trajeto (dando sempre preferência pelas vias menos movimentadas), seguir todas as regras de trânsito ( o que inclui nunca andar na contramão), e usar todos os equipamentos de segurança. Quem ainda não sabe pedalar ou não tem muita segurança para andar pelas ruas da cidade pode pedir auxílio ao Bike Anjo, ONG de ciclistas mais experientes e dispostos a ajudar os iniciantes de qualquer idade a encarar a bicicleta.  

Dizem por aí que a prefeitura pretende transformar algumas vias da cidade em ciclofaixas nos domingos e feriados, e que vão implantar por aqui um sistema de aluguel de bikes nos moldes do que já existem no Rio de Janeiro, São Paulo e Recife. A Conder também prometeu mais 200 km de ciclovias pela cidade toda até a Copa do Mundo, e até agora nada. É esperar (e cobrar) pra ver. Por hora, a dica é tirar a bike do fundo da garagem, limpar a poeira do capacete e descobri que Salvador pode ser ainda mais linda sobre duas rodas!
* Clara Corrêa comanda o Simplificando e foi convidada pelo blog para postar um motivo pelo qual ama Salvador.
Fonte: http://365salvador.wordpress.com/2013/08/19/19-de-agosto-role-de-bike/
porLucas Pavel

Camelo Urbano Novidades: Cyclotel – O hotel para Ciclistas




O Cyclotel é a primeira cadeia de hotéis do mundo projetada exclusivamente para os ciclistas. Cada hotel está situado ao longo das rotas de ciclismo e perto das principais estações de trem. Introduzindo uma  maneira diferente de visitar a Europa durante o ciclismo,  com a idéia de “férias verdes”, em hotéis especializados onde os ciclistas podem dormir com suas bicicletas. 



Inspirado em estruturas vitorianas, seguindo “estética” de bicicleta: tensores, parafusos, cores brilhantes, detalhes polidos. Os quartos são feitos de alta tecnologia de painéis pré-fabricados montados no local em poucos dias. 


Cada hotel pode ser re-localizado, tornando-se móvel, se necessário, quando montado em áreas de conservação. Sistemas de iluminação de energia e correr com baixa tensão em uma abordagem ecológica alta. 

Este projeto tem o apoio da Embaixada Holandesa em Buenos Aires, a cidade de Amsterdã, a cidade de Eindhoven, o ANWB (Royal Dutch Touring Club), o TU / e Technische Universiteit Eindhoven e muitas organizações de ciclismo.

Ir para o trabalho de bicicleta é a melhor parte do seu dia.

porLucas Pavel

os bicicletários ainda não estão sendo utilizados como deveriam.

Apesar da dificuldade de encontrar onde prender bicicletas, outro dia fomos a um supermercado no Jardim Botânico que instalou um destes modelos bem sofisticados. 

O Bicicletário estava vazio, reparamos que havia um vaso na área destinada a elas, obstruindo o bicicletario da prefeitura com um vaso inútil. Na contramão da sustentatabilidade e contra os clientes que fazem uso da Bike para ir fazer compras.

Por isso solicitamos a colaboração da empresa requerendo a retirada do vaso que segundo o gerente não sabia quem colocou o vaso, se ele que e gerente não sabe imagina o cliente que não tem nada com isso. 
 
Mesmo assim chegamos perto, colocamos a bike que quase não encaixou e não se firmou. Ficando inclinada e presa em sua tranca tão desengonçada quanto em qualquer poste.

Resposta do Super Mercado Zona Sul:

A gestão da loja providenciará a imediata retirada do vaso que obstruí o bicicletário e zelará para que não seja colocado novamente.

Muito obrigado por nos informar do problema. 

porLucas Pavel

Camelo Urbano Músicas: Mix No Pedal 01

Hoje inauguramos uma nova tag no blog!
Espero que curtam a seleção!
dutch bike_VANDAL

Ir para o trabalho de bicicleta é a melhor parte do seu dia.

porLucas Pavel

Camelo Urbano Reflexões: O Dia Mundial do Pedestre no Brasil.

No dia 8 de agosto comemorou-se, o Dia Mundial do Pedestre. Mas, no Brasil o clima não é de festa. De acordo com os ultimos dados da OMS, que falamos aqui o número de mortes por atropelamentos chegou a aproximadamente 1.500 ciclistas e 9.000 pedestres por ano.

porLucas Pavel

Camelo Urbano Filmes: Londres se inspira em Amsterdam para também virar um exemplo no ciclismo urbano.

Nesse filme, vemos o processo pelo qual a cidade de Londres está passando para tornar o ciclismo urbano uma cultura, assim como em Amsterdam! O Prefeito Boris, um grande entusiasta desse processo, sempre com idéias e projetos inovadores, com certeza foi uma das molas propulsoras desse processo. Depois de incentivar o bike share, e prometer um investimento bilionário para criação da maior ciclovia da europa, agora ele criou uma campanha para incentivar os bairros a se tornarem “mini-holandas”! Fantástico, não?

Ir para o trabalho de bicicleta é a melhor parte do seu dia.

porLucas Pavel

Camelo Urbano Dicas: Rio Florido

Pedalar pelo Rio nessa época tem um plus! É possível se deparar com inúmeros ipês que estão florescendo. Uma árvore que geralmente passa desapercebida quando estamos de carro.

De tão belo, esse espetáculo da natureza faz renascer a esperança dos cariocas de que um dia teremos muito mais ciclovias, bicicletários e infraestrutura, tornando o Rio uma cidade viável para que realmente TODOS possam ir para o trabalho de bicicleta e não apenas os mais habilidosos. 

Diminuindo o stress do trânsito, ganhando saúde e tempo. Assim dá para apreciar mais os Ipês. 😉

Ir para o trabalho de bicicleta é a melhor parte do seu dia.
porLucas Pavel

Camelo Urbano Reflexões: Carro ou bicicleta?

Vai de carro? Não, obrigado.

Adoramos super carros, mas prefiro minha bike. 


Que carro, que nada! A bicicleta é um meio de transporte perfeito para quem se recusa a passar pela apurrinhação dos gigantescos engarrafamentos.


Nós ganhamos mais tempo indo de bike. Então, podemos dizer que a bicicleta é um flow entre conveniência e certeza de que se vai chegar ao destino final dentro do tempo previsto. 

Carro destrói! Bicicleta é solução!

Entrega Rápida

Produtos nacionais e importados até 7 dias úteis.

Devolução gratuita

Aceitamos devoluções por qualquer motivo e o custo do frete de retorno é nosso.

Formas de pagamento

Aceitamos os principais cartões de crédito e parcelamos em até 12x sem juros.

Compre por telefone (21) 98838-1106
Perguntas Frequentes


Rua Almirante Guillobel 47
Lagoa - Rio de Janeiro - RJ




desenvolvido por