O futuro já chegou

images.duckduckgo-2

Muito se fala na mídia especializada sobre cidades do futuro. São espaços onde o humano está em primeiro lugar, onde o espaço é direcionado para a experiência humana. Só o que não se fala é que essas cidades do futuro são contemporâneas.

E isso está muito claro para quem olha para as novas configurações das metrópoles com cuidado. Mais e mais observamos que as pessoas estão abraçando os sistemas de transporte compartilhado. Aplicativos viraram meios de transporte. Existe bastante ativismo em busca de melhores infraestruturas, pela construção de mais e melhores ciclovias. Várias cidades estão desenvolvendo projetos que devolvem a cidade ao cidadão, como foi o projeto do Porto Maravilha no Rio. Em São Paulo, podemos observar movimentos espontâneos, como a volta dos mercadinhos de bairro.

As alternativas ao transporte já são realidades. Os jovens são os primeiros absorver essa nova concepção, preocupados em não serem o gatilho para novos problemas no espaço urbano. Eles querem engrossar o coro dos que ativamente transformam e melhoram esse espaço.